SINCODIV/SE - Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veîculos do Estado de Sergipe.

NotíciasSaiba tudo que acontece no setor.



Abr 07 2017

Produção de veículos aumenta 18,1% em março

  •  Sexta, 07 de Abril de 2017.

A fabricação de veículos foi 18,1% maior em março, com 234,7 mil unidades, na comparação com um ano atrás, quando saíram das linhas de produção 198,8 mil exemplares. Já em relação a fevereiro, o volume cresceu 17,1% com a montagem de 200,3 mil unidades. O mês passado registrou a terceira alta consecutiva anual na confecção de veículos – em janeiro, foi de 17,1%, em fevereiro, 39% e, março, 18,1%. Os dados foram divulgados ontem pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

De acordo com a entidade, no acumulado do ano a produção registrou alta de 24% frente ao primeiro trimestre de 2016, com 610 mil veículos – o montante, no entanto, é similar à quantidade fabricada em 2007 (616 mil). De janeiro a março do ano passado, as 492 mil unidades haviam registrado o pior desempenho para o período desde 2003 – o primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), quando tinham sido confeccionados 482 mil exemplares.

Para o presidente da Anfavea, Antonio Megale, apesar de os números já mostrarem avanço na produção para este ano, a indústria automobilística ainda caminha para uma estabilidade. “O mês de março foi bom, mas mesmo com resultado superior em relação a 2016, continuamos com capacidade ociosa elevada, o que é especialmente complexo para as empresas. Precisamos aguardar o desempenho dos próximos meses para ter cenário mais claro, mas estamos no caminho da estabilidade. O destaque efetivamente positivo está nas exportações, pois registramos o melhor resultado histórico para o primeiro trimestre”.

No mês passado, foram enviadas ao Exterior 68,5 mil unidades, o que significa expansão de 64,6% se comparado com as 41,6 mil da mesma época em 2016. Na análise contra fevereiro, com 66,3 mil exemplares vendidos a outros países, o resultado cresceu em 3,3%. Ao todo, no acumulado do ano, foram exportados 172,7 mil veículos, 69,7% mais do que os 101,8 mil do primeiro trimestre de 2016.

O licenciamento de veículos também apresentou melhora, e houve crescimento das vendas anuais pela primeira vez em 26 meses. Foram emplacadas 189,1 mil unidades no mês passado, alta de 5,5% frente a março de 2016, com 179,2 mil. A última vez em que as vendas mensais haviam superado as do mesmo período no ano anterior tinha sido em dezembro de 2014.

Frente a fevereiro, quando foram emplacados 135,7 mil veículos, a alta foi de 39,4%. Em contrapartida, no acumulado do ano ainda há baixa de 1,9%, com 472 mil unidades, ante os 481,3 mil registrados em 2016.

O estoque de veículos aumentou no mês passado. O total de unidades prontas nas fábricas e concessionárias passou de 205,5 mil para 218,6 mil, o que significa dizer que levariam 35 dias para serem vendidas. É válido ressaltar que, dos 13,1 mil exemplares a mais, 12,5 mil permaneceram estacionados nos pátios das montadoras. “A alta nas vendas, portanto, pode estar diretamente relacionada ao volume de exportações e não ao mercado interno”, afirmou o diretor da ADK Automotive, Paulo Roberto Garbossa.

Fonte: Diário do Grande ABC - Economia